.
Chippu - A dica do momento

Disponível nas lojas


.
.
.

WandaVision: Episódio 3 - Crítica do Chippu

Nós finalmente temos uma ideia melhor do que está acontecendo. Mas quando a piada vai cansar?

O texto a seguir tem spoilers para o episódio 3 de WandaVision


Humor é uma coisa complicada, especialmente quando você o prolonga. Certas piadas ou tiradas ficam mais engraçadas quanto mais tempo elas durarem, mas outras perdem a graça depois da primeira vez. Essa é a corda bamba na qual WandaVision está andando. Até que ponto estamos dispostos a ver os personagens tratados mais como estereótipos de sitcoms americanas (primeiro dos anos 50, depois 60 e agora 70)? Nós certamente vamos descobrir.


É importante mencionar isso porque agora, pela primeira vez desde que a série do Disney+ começou, vimos alguém sendo uma pessoa com profundidade emocional na série. No terceiro episódio, Wanda (Elizabeth Olsen) acelera todo o processo de gravidez e dá luz a dois gêmeos - Tommy e Billy. Como você pode imaginar, combinar o parto com os poderes da heroína significa terremotos, explosões e confusão em geral. Mas eventualmente, com a ajuda de Geraldine (Teyonah Parris) tudo dá certo - se é que podemos dizer isso para uma gravidez que durou um dia - e os gêmeos estão dormindo em paz.


Então, Wanda menciona que também é gêmea e que tinha um irmão chamado Pietro. Ouvir este nome nome desperta algo em Geraldine, que na verdade é Monica Rambeau, vista como criança em Capitã Marvel, e provavelmente uma agente da SWORD. Rambeau fala que sabe de Pietro e sabe que foi Ultron quem o matou. Isso, por sua vez, faz Wanda começar a desconfiar de sua amiga e eventualmente a expulsa do universo que criou, jogando-a pra fora de uma espécie de domo de energia, onde agentes a resgatam.


Toda a sequência é o ponto alto de WandaVision até agora. Ela permite que Olsen mostre toda sua capacidade de atuação, deixando o sotaque sokoviano vir à tona ao falar o nome de seu falecido irmão - uma fala que, diga-se de passagem, vem carregada de tristeza e saudade - e também ao cantar uma canção de ninar do seu país de origem. A raiva que ela mostra ao ouvir sobre Ultron a partir de Rambeau também foi muito clara. Não tem como ver isso e não desejar mais disso. Mais emoção, mais profundidade. Mais personagem.


Ainda é divertido ver Wanda e Visão (Paul Bettany) escondendo seus poderes do resto da cidade e referenciando comédias clássicas da TV americana (Brady Bunch como o foco desse episódio), mas até quando isso será suficiente? WandaVision claramente tem uma abordagem de "caixa de mistério". Algo está acontecendo e temos que descobrir o que é. Agora sabemos que Wanda foi até uma cidade abandonada de verdade chamada Westville e criou lá uma redoma cheia de pessoas vivendo como uma sitcom. Ainda não sabemos se ela foi influenciada por alguém maléfico ou como os outros habitantes foram parar lá, mas está claro que a Feiticeira Escarlate está ciente da verdade. Pelo menos de parte dela.


O problema desse tipo de roteiro é que ele sacrifica o desenvolvimento de personagens em nome de pistas e teorias do Reddit. Ajuda que os episódios de WandaVision tem em torno de 20 a 30 minutos de duração, mas se a série se prolongar demais no desenvolvimento do mistério - dando apenas algumas piscadelas aqui e ali - e manter a piada acima de tudo, então temo que a Marvel pode ter cometido um equívoco. Nós ainda não vimos, de verdade, Wanda lidando com o luto e a perda. Apesar do Visão ter começado a questionar o que está acontecendo, o que cria o potencial para um bom embate dramático, ele também não está lidando com o fato de subitamente estar vivo.


Ao todo, este terceiro episódio realçou todo o potencial de WandaVision - seja o potencial para coisas boas ou problemas. Ainda é cedo demais para saber se os medos mencionados aqui serão concretizados e a Marvel tem crédito suficiente para nos fazer acreditar que eles sabem o que estão fazendo. Esperamos, apenas, que ao contrário de Wanda, eles não se percam na ilusão.


Especulação da semana:
Wanda claramente é a criadora da redoma onde a série de passa, mas será que ela fez isso apenas por um surto de luto e tristeza depois da morte do Visão, ou tem algo a influenciando? Agatha Harkness? Mephisto? Teorizem!