Star+ será integrado ao Disney+ em junho na América Latina, confirma Disney

Star+ será integrado ao Disney+ em junho na América Latina, confirma Disney

O serviço deixará de existir no Brasil

Bruna Nobrega
27 de março de 2024 - 3 min leitura
Notícias

Agora é oficial: a fusão do Star+ com o Disney+ vai acontecer em junho na América Latina. A informação foi confirmada por Aaron LaBerge, CTO da Disney Entertainment, em entrevista à Variety.

A especulação da data para a junção dos streamings já estava rolando desde o começo do mês quando o dia 30 de junho apareceu no site do Moviestar Chile, operadora chilena que oferece o Disney+ para seus assinantes.

Nesta quarta-feira (27), o Hulu foi integrado ao Disney+ nos Estados Unidos e o streaming do Mickey ganhou um novo logo, com um esquema de cor que a empresa chamou de "Aurora", em referência à princesa de A Bela Adormecida e à aurora boreal.

Detalhes sobre mudanças no preço ou estrutura de planos só serão divulgados em breve. A data exata do fim do Star+ como plataforma independente também não foi informada.

Atualmente, é possível assinar o Disney+ e Star+ separadamente por, respectivamente, R$ 33,90 e R$ 40,90. Também há a opção do Combo+, que combina os dois apps por R$ 55,90 e pode ser a melhor pista do preço futuro. Também é possível adquirir os apps em promoções com parceiros como Globoplay e Mercado Livre. Ainda é cedo para dizer como a fusão afetará essas ofertas.

A Disney também não disse como a fusão vai afetar quem já assina o Star+ em pacotes anuais.

Lançado alguns meses após o Disney+ no Brasil, o Star+ inclui os conteúdos mais adultos do grupo Disney, como séries do FX (O Urso, Atlanta), filmes do 20th Century Studios (Deadpool, Logan) e produções originais do Hulu (Only Murders in the Building), o equivalente norte-americano do app. Além disso, o Star+ recebe o conteúdo da ESPN, incluindo programas esportivos e transmissões ao vivo de diversas ligas de futebol, como LaLiga, Libertadores e Premier League, e modalidades como NBA, NFL, MLB e tênis.

A partir de 2024, tudo isso vai para o Disney+, que já vem recebendo alguns lançamentos simultâneos com o Star+. Isso já aconteceu com a minissérie A Small Light e sfoi novamente aplicado com a superprodução Xógum: A Gloriosa Saga do Japão, que estreou em fevereiro de 2024. Em dezembro do ano passado, ambos serviços irão exibir, ao vivo, o último show de Paul McCartney na turnê Got Back, do ex-Beatle, aqui no Brasil.

Uma fusão entre os dois serviços é especulada há meses, e agora acontecerá de maneira definitiva. Nos EUA, uma fusão entre Disney+ e Hulu já foi implementada, mas lá, ainda é possível assinar o Hulu separadamente.

star-plus
disney-plus
disney
hulu

Você pode gostar

titleMarvel

X-Men: Roteirista de Jogos Vorazes vai escrever filme dos mutantes

Michael Lesslie deve assumir o roteiro do filme que ainda está com desenvolvimento inicial

Alexandre Almeida
21 de maio de 2024 - 1 min leitura
titleDisney

Pixar começa processo de demissões em massa para reestruturação

Cerca de 14% dos funcionários perderão seus empregos no maior movimento já feito pelo estúdio

Alexandre Almeida
21 de maio de 2024 - 2 min leitura
titleDisney

Piratas do Caribe: Produtor confirma que novo filme será reboot e gostaria de Johnny Depp de volta

Jerry Bruckheimer deu mais detalhes sobre o status do novo filme da franquia

Alexandre Almeida
20 de maio de 2024 - 2 min leitura
titleSéries e TV

Xógum é renovada para mais duas temporadas

Primeiro ano já está disponível no Disney+ e Star+

Alexandre Almeida
16 de maio de 2024 - 1 min leitura